17 C
Timbó
domingo, 21 de abril de 2024

Governador anuncia intervenção no PL de Indaial e nomeia Moser

Data:

O governador e presidente estadual do PL, Jorginho Melo, tomou a decisão de nomear o prefeito de Indaial, André Moser, como novo presidente da Executiva Municipal Provisória do Partido, distituindo o atual presidente, Clério Ribeiro, aliado ao ex-prefeito de Timbó e ex-deputado estadual, Laércio Schuster Junior. A decisão foi tomada na noite de ontem (quarta-feira, 27), em Florianópolis e apoiada por 100% da bancada estadual do PL de Santa Catarina, composta por 11 deputados. Moser já foi comunicado da decisão, será documentada junto ao TRE – Tribunal Regional Eleitoral. Moser estuda lançar seu ex-secretário de Administração e Finanças, Sylvio Cesar – transferido recentemente para interventor no Hospital Beatriz Ramos.


O coordenador Regional do PL, deputado Ivan Naats, relatou a situação a seus pares e o governador Jorginho ouviu pessoalmente o prefeito André Moser, em evento na última terça-feira, 26, em Gaspar. Moser já havia relatado a situação ao filho do governador, Bruno Melo, que assessora o pai informalmente.

- Publicidade -


Já na reunião regional, em Gaspar, apesar de Laércio e a ex-primeira Dama, Elaine Pickler, terem batido uma foto com Jorginho, chamou atenção que Laércio foi um dos únicos pré-candidatos a prefeito de cidades do Médio Vale a não serem chamados na mesa de autoridades. Pré-candidatos de Gaspar, Blumenau, Timbó, Rodeio e Pomerode, tiveram a deferência de estar na Mesa de Honra, com o governador Jorginho e Laércio ficou na plateia, ao lado de Elaine Pickler. O prefeito de Indaial, André Moser, integrou a mesa e teve espaço para pronunciamento.


Em conserva reservada com o governador, André Moser relatou toda a situação e Jorginho chegou a “pedir desculpas a Moser” por desconhecer a questão envolvendo a ex-primeira Dama. Moser deixou claro que mantém uma relação cordial com Elaine e reconhece sua capacidade, no entanto, não foi informado sobre a filiação e lamenta o fato de ela estar sendo enganada sobre a possibilidade de integrar a chapa majoritária. A lei é clara neste impedimento, pois Elaine esteve casada com Moser quando ele assumiu o Segundo mandato, divorciando-se apenas durante a atual gestão. A manobra de Laércio de filiar Elaine, sem comunicar a Moser, foi classicada pelo prefeito como um golpe politico.


Mudanças de rumo
A partir da oficialização da intervenção no PL de Indaial, o novo presidente, André Moser, é quem vai dar as cartas nos rumos da politica do Partido. Moser já enviou ao Diretório Estadual os nomes que vão compor a Executiva Provisória. Também está nos planos do prefeito o apoio a um nome de sua confiança e que considera com chances reais de vitória para disputar as eleições que definirão o seu sucessor. Moser já havia antecipado que Laércio não poderá subir no seu palanque. Nos bastidores já se fala na expulsão do ex-deputado do Partido. O prefeito André Moser já tem mapeados nomes para compor a majoritária, mas deve fazer o anúncio logo que a intervenção no Diretório seja oficializada junto à Justiça Eleitoral.
Em campanha


Ignorando todas as especulações sobre a divergência interna no Partido, Laércio prosseguiu em pré-campanha, esta semana. Colocou nas redes sociais uma foto dele e Elaine com o governador Jorginho Melo, tirada no evento em Gaspar, com a frase: “Uma foto vale mais que mil palavras”. Durante a semana, Laércio e Elaine voltaram a publicar pequenos vídeos (reels) falando sobre o apoio de Jorginho à filiação de Elaine e da pré-candidatura dela e Laércio.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui