17.5 C
Timbó
terça-feira, 16 de julho de 2024

Frota de veículos deve chegar a três milhões no Estado em 2009

Data:

Frota de veículos deve chegar a três milhões no Estado em 2009
Santa Catarina tem hoje uma frota de 2.902.484 de veículos automotores …

Thomas Erbacher

FLORIANÓPOLIS – Santa Catarina tem hoje uma frota de 2.902.484 de veículos automotores, uma média de uma unidade para cada dois habitantes. Se a média de crescimento de 0,7% ao mês se mantiver, em sete meses serão três milhões de unidades. Até junho de 2009 Santa Catarina deverá contar com uma frota circulante de três milhões de veículos. A constatação é resultado de um cruzamento de dados realizado pela Federação Nacional de Distribuição de Veículos de Santa Catarina (Fenabrave/SC).

Se esse índice se mantiver, serão necessários mais sete meses para que a frota total supere a marca de três milhões. Atualmente, se considerado o último dado oficial do IBGE que aponta uma população de 5.866.252 habitantes em Santa Catarina, a proporção é de um veículo para cada duas pessoas. A maior representatividade da frota circulante no estado fica por conta dos automóveis, com 1.689.029 unidades ? quase 60% do total ? seguido de motos, com 715.343 unidades.

- Publicidade -

Crescimento e crise

Em outubro, uma pequena queda nas vendas de veículos novos foi sentida num comparativo com o mês de setembro. Mesmo com a retração, o crescimento acumulado de 2008 deverá ser positivo. Sérgio Ribeiro Werner, presidente da Fenabrave/SC, diz que a contração era esperada. ?O momento de crise gera precaução, é natural. Mas na média anual, o crescimento chega a quase 15%?, complementa. Mesmo com a queda, foram comercializadas em outubro 17.264 unidades.

O maior volume foi de automóveis, com 8.657 veículos. Em relação a outubro de 2007, o segmento de ônibus teve aumento nas vendas: 31% a mais este ano. Os caminhões representam o segundo maior acréscimo, com 28% de crescimento este ano. A maior queda foi registrada pelo segmento de motos. Em relação a setembro, as vendas tiveram uma contração de 31,46% e em relação ao mesmo período do ano passado, a queda é de 39,83%. Mesmo assim o segmento de motos registra crescimento de 0,44% se comparado o acumulado do ano em relação ao acumulado de 2007. Na média geral, as vendas caíram 16,26%.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui