17.2 C
Timbó
segunda-feira, 22 de abril de 2024

Indústria de Santa Catarina demite menos em fevereiro

Data:

Indústria de Santa Catarina demite menos em fevereiro
EMPREGO: Dados da Fiesc mostram que indústrias fecharam 1.523 vagas em fevereiro …

Thomas Erbacher

FLORIANÓPOLIS – O saldo entre contratações e demissões nas médias e grandes indústrias catarinenses em fevereiro ficou novamente negativo, em 1.523 vagas, uma redução de 0,69%. O número, no entanto, foi bem menor que os 3.212 postos de trabalho fechados em janeiro, que representou uma retração de 1,43% no nível de emprego na indústria. Com isso, a redução acumulada no bimestre foi de 2,11%. Os dados divulgados são da pesquisa Nível de Emprego Industrial em Santa Catarina, realizada pela Federação das Indústrias (Fiesc) com 348 empresas do Estado.

Nos últimos 12 meses, o emprego industrial apresentou retração de 1,50%, resultado que significa corte de 3.343 vagas no grupo de empresas ouvidas pela Fiesc. Dos 19 segmentos pesquisados, apenas dois contrataram mais do que demitiram no primeiro bimestre – couros e artigos de viagem (alta de 1,5%) e celulose, papel e produtos de papel (mais 0,19%). Entre as quedas, as mais expressivas foram nos setores de produtos de madeira (-6,4%), veículos automotores (-5,91%), metalurgia básica (-4,46%), máquinas e equipamentos (-3,35%), máquinas, aparelhos e materiais elétricos (-2,16%) e produtos têxteis (-1,05%).

- Publicidade -

Os fabricantes de produtos têxteis destacaram o desaquecimento das vendas internas e externas para a dispensa de seus funcionários. Em máquinas e equipamentos e veículos automotores o ritmo de queda do nível de emprego é atrelado ao desaquecimento das vendas para as indústrias automotivas, gerando ociosidade na produção.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui