17.2 C
Timbó
segunda-feira, 22 de abril de 2024

Apiúna é sede de evento que marca a implantação do milésimo quilômetro de rede da SCGÁS

Data:

Apiúna é sede de evento que marca a implantação do milésimo quilômetro de rede da SCGÁS
APIÚNA ? O município de Apiúna recebeu na manhã de sexta-feira, dia 23 de novembro, a visita do …

CLARICE GRAUPE DARONCO/JMV

Foto: Divulgação

CLARICE GRAUPE DARONCO/JMV
[email protected]

APIÚNA – O município de Apiúna recebeu na manhã de sexta-feira, dia 23 de novembro, a visita do governador Raimundo Colombo, que participou junto com o presidente da Companhia de Gás de Santa Catarina (SCGÁS), Cósme Polêse, da solenidade de implantação do milésimo quilômetro de rede de distribuição de gás natural no Estado.
Em pronunciamento, Polêse disse que a infraestrutura atende 60 cidades catarinenses, ofertando gás a 218 indústrias, mais de 130 postos que disponibilizam GNV a mais de 95 mil veículos, além de 300 estabelecimentos comerciais e quatro mil unidades residenciais, empresas que contribuem com 60% do PIB estadual. “Atualmente, a SCGÁS distribui dois milhões de metros cúbicos de gás por dia”, destacou o presidente.
Durante a solenidade ,aconteceu a assinatura dos contratos de fornecimento, anunciado o lançamento do edital da terceira fase e entregue a ordem de serviço da complementação da segunda etapa do Projeto Serra Catarinense para a empresa Azevedo Travassos. Este documento garante a implantação até o Km 112 da BR-470. A previsão é de que as obras estejam concluídas no segundo semestre de 2012.
Polêse explica que a rede estruturante de 37 quilômetros (fase 3) vai passar pelas cidades de Ibirama, Lontras e Rio do Sul. Em paralelo estão em andamento as obras da segunda fase que passam por Ascurra, Apiúna e Ibirama. “Este projeto terá seis etapas no total, o equivalente a 230 quilômetros. Até chegar em Lages, na última fase, a SCGás terá investido R$180 milhões. Após a conclusão, vai atender a uma demanda energética com potencial de 190 mil metros cúbicos/dia (que hoje significariam 10% da distribuição diária da companhia). Este é o projeto de rede estruturante de maior investimento entre as distribuidoras de gás natural do Brasil e demonstra o compromisso da SCGÁS de interiorizar e democratizar a oferta”, destacou o presidente da SCGÁS.
O governador Raimundo Colombo afirmou, que o grande segredo para Santa Catarina continuar crescendo é a competitividade. De acordo com ele, as grandes empresas, antes de se instalarem no Estado, perguntam sobre as vantagens estratégicas e, o gás natural está entre os fatores determinantes. “Por isso, os investimentos da SCGÁS são tão importantes”, complementou. O governador ainda destacou a parceria do Estado com a Petrobrás e a Mitsui Gás e Energia do Brasil. O Estado pleiteia a ampliação da oferta do energético em um milhão de metros cúbicos/dia para os próximos 10 anos. Atualmente, são distribuídos quase dois milhões de metros cúbicos/dia para 60 municípios.
Ainda em seu pronunciamento Colombo entregou ao prefeito de Apiúna, Jamir Marcelo Schmidt, uma placa que marca a implantação do milésimo quilômetro de rede. Ela será colocada junto à nova praça municipal.
No decorrer da solenidade, a gerente geral de participação em gás natural da Petrobrás, Fátima Valéria Araújo Barroso Pereira, entregou o contrato de abastecimento para a Dystar Indústria e Comércio de Produtos Químicos, a primeira de Apiúna a optar pelo energético. Enquanto isso, o presidente da Mitsui Gás e Energia do Brasil, Tatsushiro Sato, repassou a intenção de abastecimento com gás natural para a Faccine Têxtil. Outras empresas da região utilizarão o gás natural como fonte de competitividade.
 

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui