15.2 C
Timbó
domingo, 21 de julho de 2024

Aprendizado desenvolvido em casa

Data:

Aprendizado desenvolvido em casa
Apae de Indaial divulga uma série de atividades para seus alunos realizarem durante a quarentena co …

Amanda Bittencourt/ JMV

Foto: Divulgação

INDAIAL – As crianças das escolas da rede municipal, estadual e privada permanecem em recesso, devido ao avanço do Coronavírus em Santa Catarina. As Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes) também aderiram à medida de isolamento social e permanecem sem aulas. Mas, para que os alunos dêem continuidade às atividades de estímulo que vinham sendo desempenhadas, a Apae de Indaial, criou uma metodologia para orientar e ajudar os pais neste período de quarentena.

De acordo com o fonoaudiólogo da instituição, Daniel De Martino Ucedo, a equipe está utilizando diferentes formas de comunicação para que atividades possam ser feitas em casa. “Para isso, procuramos gravar vídeos e áudios, orientar através de videochamadas e até criamos um site onde postaremos as orientações e atividades para as famílias terem acesso”, destaca.

- Publicidade -

Ucedo ainda ressalta que este é um momento de adaptação também para a Apae. “Nesse momento, estamos nos renovando e fazendo o uso da tecnologia a nosso favor”, completa.

As atividades que vem sendo disponibilizadas abrangem diversas áreas, como fonoaudiologia, assistência social, fisioterapia, pedagogia, terapia ocupacional, educação física e psicologia. Na fonoaudiologia, Ucedo já disponibilizou alguns vídeos sobre atividades de olhos vendados, a respeito de habilidades de troca de turno, atenção compartilhada e contato visual, entre outros.

Na fisioterapia, o profissional Ivan Carlos Pereira traz alguns exercícios respiratórios para praticar. Já na educação física, os professores estão diversificando bastante através de vídeos, tem atividades de canto com o professor Gio e dança com o a professora Ana, para os alunos se movimentarem bastante nestes dias.

Na área pedagógica, uma lista diversificada já está disponível no site. Dentre as atividades, destaca-se a importância do desenho para o desenvolvimento das crianças. “Desenhar é uma excelente forma de expressão. A princípio para a criança o desenho não é um traçado executado para fazer uma imagem, mas um traçado executado simplesmente para fazer linhas, a chamada garatuja, com rabiscos desordenados, mas fundamental para as etapas seguintes e também para o desenvolvimento da escrita”, menciona a Apae.

Também, há atividades para adolescentes com Transtorno do Espectro Autista (TEA), exercícios de artes, iniciação ao mercado de trabalho, bingo com alfabeto, aulinha sobre reciclagem, leituras, pinturas, colagem, educação financeira, leituras e muito mais.

Como já mencionado antes, a Apae tem procurado usar a tecnologia a seu favor, e por isso também desenvolveu aulas de informática que tem por objetivo estimular as percepções, desenvolver a atenção, concentração, memória, raciocínio lógico, noções de tempo e espaço, afim de resolver situações, visando desenvolver a autonomia dos alunos. A Apae separou diversos sites que podem ser usados para essa finalidade, como o Jogos Educativos, Jogos Grátis para Crianças, Rachacuca, dentre outros, que podem ser acessados juntamente com as demais atividades completas no site a Apae (link disponível no Facebook da instituição).

Segundo informações da diretora da Apae, Flaviane Agostine, a instituição tem recebido um feedback positivo por parte dos pais, que mandam vídeos do que vem desenvolvendo em suas residências. “No Facebook da Apae, temos algumas publicações de famílias desenvolvendo atividades com seus filhos”, frisa.

Flaviane ainda lembra que a instituição segue as orientações do Governo do Estado e como a Apae se enquadra dentro de um grupo de risco, a previsão do retorno às atividades presenciais está prevista para o dia 3 de maio.  

Ucedo também orienta para que todos permaneçam em suas casas neste momento. “Respeitando as autoridades e seguindo as orientações de saúde e de higiene como forma de prevenção de contaminação e de não adquirir a doença Coronavírus”. 

A diretora finaliza mencionando que para qualquer dúvida que as famílias possuam em relação às atividades, ou caso não estejam tendo acesso ao material, que entrem em contato pelo WhatsApp (55) 98498 0047 ou via Facebook da instituição; .  

Dicas

A Apae também orienta os pais a manterem uma rotina saudável para seu filho, com horário para lanchar, fazer uma atividade pedagógica, realizar uma atividade física, auxiliar em alguma tarefa doméstica quando possível, almoçar, descansar, assistir algum programa ou usar computador ou celular. A rotina de atividades traz organização tanto para a vida do aluno quanto para a família, ajudando a evitar correria e estresse.

É importante também dar continuidade à rotina que estavam habituados a realizar na instituição, como uso do banheiro para quem não usava fralda ou estava em fase de desfralde, higiene bucal e das mãos, alimentação com uso correto dos talheres e incentivando a independência. Assim, quando os assistidos retornarem a sua rotina normal na Apae não sentirão dificuldades de readaptação.

Apae

A Apae de Indaial é uma entidade filantrópica, que atende aproximadamente 140 alunos com deficiência intelectual ou múltipla e TEA. A instituição atende crianças, adolescentes, adultos e idosos, objetivando proporcionar atendimento de qualidade à vida dos assistidos.

De acordo com Flaviane, hoje a Apae conta com o trabalho de um fisioterapeuta, uma psicóloga, um assistente social, dois terapeutas ocupacionais, duas pedagogas, 12 professoras de sala de aula, uma diretora escolar, uma secretária executiva, uma secretária escolar, um coordenador de projeto Pronas, dois auxiliares de serviços gerais, dois roteiristas, uma merendeira, um médico neuropediatra, dois professores de educação física, uma professora de informática e um fonoaudiólogo.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui