23.3 C
Timbó
segunda-feira, 22 de abril de 2024

Desenvolvimento musical

Data:

Desenvolvimento musical
Crianças atendidas nos NEIs e nas UPEs integram o Programa Musicalização Infantil da Secretaria …

Clarice Graupe Daronco / JMV

TIMBÓ – “A música na Educação Infantil vem sendo cada vez mais discutida por diversas áreas do conhecimento: Educação Musical, Psicologia, Pedagogia, Sociologia, Filosofia. Neste sentido, a musicalização infantil contribui para oportunizar o desenvolvimento musical e integral da criança, sendo esta a protagonista da ação pedagógica”. Com essas colocações o secretário de Educação de Timbó, Alfroh Postai, fala sobre o Programa Musicalização Infantil que está sendo inserido nos núcleos de Educação Infantil (NEIs) e unidades Pré-Escolares (UPEs).

Segundo ele, a Secretaria de Educação conta com professores específicos da área de Educação Musical. “O professor do programa atende as crianças dos NEIs e das UPEs através de encontros semanais de aproximadamente 30 minutos para as turmas de NEIs e 45 minutos para as turmas de UPEs, sendo que o registro pedagógico é realizado durante o atendimento às turmas. A atuação do/a professor/a de musicalização infantil conta com a atuação conjunta e presença obrigatória do/a professor/a de turma”.

- Publicidade -

Postai afirma que os professores de musicalização infantil dispõem de suporte para o exercício profissional provido pela Secretaria de Educação por meio do atendimento prestado pelas articuladoras pedagógicas das UPEs, pelas coordenadoras pedagógicas dos NEIs e de formações continuadas específicas em Musicalização e Educação Musical na Educação Infantil, bem como do incentivo à participação em eventos profissionais e acadêmicos dessa natureza.

Segundo Postai a versão inicial do programa foi elaborada ao longo do segundo semestre de 2019 por meio do trabalho conjunto entre a Secretaria de Educação e a equipe de Educação Musical da Práxis Consultoria, Bruna Hedler e Gian Marco de Oliveira. “O programa tem como referências o Projeto de Musicalização inicialmente proposto em 2018 por Bruna Hedler e Matheus Pacher – em memória, a versão 2017 do Projeto Musicalização Infantil de Blumenau, a literatura sobre Educação Musical na Educação Infantil e orientações legais e educacionais. A exemplo destas, a Resolução nº 2, de 10 de maio de 2016, do Ministério da Educação, define as Diretrizes Nacionais para a Operacionalização do Ensino de Música na Educação Básica”.

Os profissionais envolvidos na elaboração do projeto, Bruna Hedler e Gian Marco de Oliveira, estiveram presentes no Encontro de Formação Continuada de Professores intitulado “Educação entre som, ruído, silêncio e música”. 

O evento organizado pela Secretaria de Educação teve por objetivos apresentar o Programa Musicalização Infantil de Timbó e promover a sensibilização e a conscientização sonora e musical de professores da Educação Infantil do município por meio de vivências sensoriais e de diálogos a respeito da qualidade sonora de ambientes de aprendizagem.

De acordo com o secretário, o Programa Musicalização Infantil abre um leque de possibilidades diversas de atendimento. Algumas possibilidades são: histórias sonorizadas, o canto, a expressão e movimentação corporal associadas à música, a escuta ativa e consciente. Vive-se inclusive a criação, improvisação e composição musical. Estabelecem-se conexões entre o visual e o sonoro por meio do desenvolvimento de partituras não convencionais, como uma forma de registro de um fazer musical que precisa ser prazeroso e condizer com as necessidades da infância.

Postai relata que o Programa Musicalização Infantil visa atender as crianças da etapa da Educação Infantil da Rede Municipal de Ensino através de propostas pedagógico-musicais, nas quais a criança tenha a oportunidade de: Brincar com som, silêncio e música; Expressar-se musicalmente usando a voz, o corpo, objetos sonoros e instrumentos musicais; Desenvolver, em relação ao som, ao silêncio e à música, a percepção, sensibilidade, imaginação, autonomia, criatividade e comunicação; Apropriar-se de conceitos musicais e ampliar seu repertório musical. “É importante lembrar que, assim como em qualquer outra área do conhecimento, os objetivos da musicalização precisam inclusive assegurar os seis direitos de aprendizagem e desenvolvimento da criança na Educação Infantil, são eles: Conhecer-se, Conviver, Brincar, Participar, Explorar e Expressar (BRASIL, 2017, p. 25)”. 

 

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui