23.3 C
Timbó
quarta-feira, 24 de abril de 2024

Equitação: arte de montar e cuidar de cavalos com muito amor

Data:

Equitação: arte de montar e cuidar de cavalos com muito amor

Clarice Graupe Daronco [email protected]

Foto: FOTOS/ARQUIVO PESSOAL

“Cavalos tem ótimas lembranças, são sábios e tem o dom de memorizar fácil algo. Eles transmitem liberdade, alegria, amor para os que estão perto. São fortes, mas ao mesmo tempo sensíveis. O cavalo precisa estar com humanos, de carinho, amor e cuidados das pessoas”. Com essas palavras a profissional Jusiélle Mirlene Janke Joenck, de 30 anos, que trabalha na área da Educação há 15 anos fala sobre a realização de aulas de equitação, focando em especial o envolvimento de crianças com esses animais.

Conforme Jusiélle, mais conhecida carinhosamente como prof. Jusi, a equitação, além de ser uma atividade recreativa, possui um papel fundamental no desenvolvimento das crianças, proporcionando uma série de benefícios físicos, emocionais e cognitivos. A prática da equitação não se limita apenas ao aprendizado de habilidades e técnicas de montaria; ela envolve uma experiência completa que influencia positivamente o crescimento e a formação das crianças.

- Publicidade -

 

?

A profissional que é formada no magistério e graduada em pedagogia explica que: “a cada dia vejo e sinto como tenho dom com as crianças e como amo essa profissão. Sou uma mulher alto-astral – para mim o sorriso é tudo, além do respeito com o próximo. Sou prestativa, busco sempre a organização e novidades. Gosto de fazer o próximo feliz e vejo e sinto que o cavalo faz muito bem para nós humanos. Ele faz você se sentir em liberdade, ativa sua adrenalina quando está em contato”.

Assim, destaca Jusi “vejo o rosto de cada aluno transbordar de gargalhada, de como o aluno ama ser responsável, criar suas responsabilidades dominando um animal tão grande por duas cordinhas. Não importa para um cavalo o quanto você sabe, importa para o cavalo o quanto você se importa”.

A profissional observa que recentemente realizou dois cursos de equitação onde aprendeu muito. “Além de poder contar com minha experiência desde 15 anos com cavalos, realizei também cursos de primeiros socorros e conto com material à mão caso precise. Pretendo cada vez mais me especializar! Estou realizando aula de equitação lúdica, montaria, passeios a cavalo e futuramente ecoterapia”.

Jusi explica que as aulas envolvendo crianças, adolescentes e adultos acontecem em local específico, junto ao Clube do Cavalo, no bairro Araponguinhas, em Timbó. “Trabalho com a equitação lúdica para crianças de dois a oito anos. São desenvolvidas atividades com bambolê, bolinhas, estátua, contação de histórias, sendo que todo esse processo é trabalhado enquanto o aluno está em cima do cavalo. As aulas acontecem com horários marcados, cada um com sua necessidade e exclusividade na hora da aprendizagem. Os alunos também aprendem cuidados básicos de como cuidar do cavalo”.

Entre as atividades desenvolvidas está como montar o cavalo: aprender a subir e a descer; puxar o cavalo pelo cabresto; encilhar o animal; levar para pastar com segurança; entre outras. Também tem a etapa da estratégia da rédea: aproximar, freiar, esquerda/direita, andar, trotar e galopar; firmar o pé na sela do cavalo.

A profissional observa que uma das atividades que os alunos mais gostam refere-se aos cuidados com os animais, que vai desde o escovar o cavalo (crina, rabo e os pelos); dar carinho e amor ao cavalo; tratar o cavalo com cenouras, maçãs e trato. “Essa atividade também estimula o contato com a natureza, oportunizando que os alunos possam apreciar o belo passeio nos arredores do Clube”.

Você sabia

A equitação é arte e muito amor. “A equitação não se resume apenas em montar cavalo, mas também no bem-estar físico e emocional, na superação de dificuldades. Montar cavalos traz uma melhora física, elevação da autoestima e da concentração”, observa Jusi ao afirmar que “cuidar de cavalos nos torna mais humanos, sensíveis a necessidade do próximo, atentos ao que não é sempre pronunciado”.
A equitação é uma atividade excelente que faz bem para o corpo e para a mente. “A cada aula realizo planejamento para cada aluno e para cada espaço do Clube do Cavalo, que é maravilhoso. A natureza faz o aluno despertar pelo pequeno, pelos simples e por vez muitas vezes nem observado. Nos passeios a cavalo são observadas as árvores, flores, pedra, até mesmo ao passear na estrada observam carros, pessoas e essa sensação de liberdade é incrível. Vejo que cada vez mais pessoas procuram por isso, cavalo, natureza, fazem mais o que amam. Ter esse contato é rico em saúde, tanto físico como emocional. Todos os meses eu faço atividades de interação comemorativas. No dia do aniversário o aluno recebe um quebra-cabeça (sua foto com Soveu). Quem é o Soveu? Sim, é um cavalo: Soveu do Barulho é o nome dele. Ele é brincalhão, dócil e ama comer. Cavalo da raça crioulo, tem 15 anos é da cor pampo (preto com branco), tenho esse cavalo há mais de 10 anos”.

Imagens

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui