16.4 C
Timbó
quarta-feira, 17 de julho de 2024

Grupo Folclórico Colibri em evento Estadual

Data:

“O Grupo Folclórico Colibri de Rio dos Cedros representou com orgulho a etnia italiana de Santa Catarina no Evento de Lançamento do Cadastro das Culturas Tradicionais de Santa Catarina, organizado pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC), em Florianópolis, no dia 14 de junho”. A informação foi dada pelo coordenador do Grupo, Cristian dos Santos Giese.

Em entrevista, o coordenador explicou que, juntamente com a regente, professora Marialva Longo, o Grupo Folclórico Colibri apresentou as obras: “Pot-pourri de músicas clássicas italianas” (vários autores); “Il Sole d’Italia” (Orchestra Fratelli d’Italia); “Pot-pourri de músicas folclóricas da imigração italiana” (vários autores) e “Il Mondo” (Jimmy Fontana), com interpretação de Marlon Richard dos Santos. “Nossa apresentação, realizada no Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC), destacou as raízes italianas de Rio dos Cedros e de toda a região para um público ilustre, incluindo autoridades e comissões dos festejos da imigração italiana e dos 200 anos da imigração alemã. Com 35 anos de história, o Grupo Colibri foi reconhecido por seu papel na preservação cultural, recebendo um agradecimento especial do presidente da Fundação Catarinense de Cultura, Rafael Nogueira”, relatou Giese.

- Publicidade -

O coordenador também comentou que “o evento marcou o lançamento da plataforma desenvolvida pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC) para o Cadastro de Registro de Eventos, Grupos e Pesquisas das Culturas Tradicionais de Santa Catarina. Esta ferramenta inovadora visa dar visibilidade ao calendário dessas atividades e ficará disponível ao público no site da FCC”.

O evento também contou com a participação do Coral Deutscher Chor, de Florianópolis, e do Grupo Vocal Pommernsänger, de Pomerode, todos celebrando as ricas tradições culturais de Santa Catarina. “Agradecemos à Fundação Catarinense de Cultura pelo convite e a Andrey José Taffner Fraga pelo apoio e intermediação. Também agradecemos às secretarias de Educação e de Cultura de Rio dos Cedros, que tornaram possível nossa participação”, finalizou Giese.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui