23.3 C
Timbó
quarta-feira, 24 de abril de 2024

Indaial: diversificada de atrativos turísticos

Data:

A influência da colonização alemã, italiana e polonesa é nitidamente perceptível em Indaial, deixando sua marca tanto na herança cultural quanto na paisagem natural. Além do rico legado arquitetônico legado pelos imigrantes, o município é agraciado por uma profusão de áreas verdes deslumbrantes, criando uma tapeçaria única que combina tradição e beleza natural. Essa fusão proporciona uma ampla gama de atrações turísticas tanto para visitantes quanto para a comunidade local.

Com o intuito de promover a sensibilização em diversos segmentos da comunidade de Indaial, o setor de Turismo da Prefeitura realizou ações diversificadas. Conforme o Plano Municipal de Turismo, uma dessas ações consiste em conscientizar a comunidade escolar, sociedade civil e entidades privadas sobre a importância do turismo e a preservação dos recursos naturais e culturais da região.

- Publicidade -
Indaial: diversificada de atrativos turísticos
Indaial: diversificada de atrativos turísticos

Em uma entrevista, a turismóloga Telma Fusinato explicou que as sensibilizações foram conduzidas por meio de palestras, vídeos institucionais e visitas a empreendimentos públicos e privados relacionados ao turismo e à cultura local. Telma foi responsável por conduzir encontros com professores da Unidade de Educação Infantil Dilma Terezinha Harbs, participantes do Núcleo de Artesanato e Economia Criativa da Associação Empresarial de Indaial, bem como alunos do 5° ao 9° ano do Colégio Municipal. Além disso, em parceria com o historiador Luís Cláudio Altenburg, realizou uma sensibilização com professores da Educação Infantil da rede municipal, incluindo palestras e visitas ao empreendimento Sítio Duopa, à Igreja Luterana e à Capela Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no bairro Warnow. Ao todo, aproximadamente 160 pessoas foram impactadas por essas atividades.

Em comunicado, os técnicos do setor de Turismo da Prefeitura ressaltaram que “a sensibilização turística promove o aumento do orgulho e pertencimento das pessoas que vivem na cidade e na região visitada, além de fomentar a importância da preservação da história da cidade através de seus atrativos e patrimônios culturais, garantindo sua proteção para as gerações futuras”.

Os técnicos também informaram que as sensibilizações continuarão ao longo do ano. As entidades interessadas em conhecer mais sobre o cenário do turismo municipal e regional podem entrar em contato com o setor pelos telefones (47) 3317-8865/8866, com atendimento de segunda a sexta-feira, das 7 às 13h.

Você sabia

Indaial, conhecida pela marca turística “Indaial na Rota da Natureza”, destaca-se pelo seu compromisso com a sustentabilidade e pela qualidade dos serviços oferecidos. O município abriga diversos locais especiais para exploração, sendo o Centro Histórico um dos pontos de destaque. Este oferece sete pontos de interesse para serem explorados a pé ou de bicicleta, incluindo igrejas, museus, a Fundação Cultural e casas históricas.

Um dos marcos históricos é a Ponte dos Arcos, também conhecida como Ponte Emílio Baumgart, que foi a primeira de cimento armado de grande porte no Brasil, inaugurada em 1926. Outro destaque é a Fundação Indaialense de Cultura (FIC) e o Parque Público João Schulenburg, onde é possível desfrutar da natureza, participar de cursos culturais e apreciar eventos artísticos.

A Praça Prefeito João Hennings Filho abriga a Vitória-Régia, resultado de um esforço conjunto entre o padre Raulino Reitz e o preservacionista Valdemiro Nasato, além do Museu Municipal Ferroviário Silvestre Ernesto da Silva, que resgata a história das viagens de trem na região.

A Casa Silva, um espaço coworking, representa um marco histórico restaurado em 2019, enquanto a Igreja Matriz Santa Inês e a Igreja Evangélica Luterana do Centro refletem a rica história religiosa da cidade.

Destaque também para a Capela Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, situada no bairro Warnow Alto, um exemplar singular entre os templos erguidos por imigrantes europeus no Brasil. Restaurada em 2016 pelo IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), suas pinturas interiores são um testemunho vívido da devoção e habilidade artística da comunidade. Com uma única nave generosamente iluminada por janelas laterais, as paredes e o teto exibem uma profusão de cores e formas que impressionam pela sua qualidade e cuidado. As imagens, de simplicidade típica da arte popular, buscam emular a grandiosidade das basílicas italianas, refletindo a importância da religião para os imigrantes através do esmero construtivo e detalhes meticulosos. A arquitetura da capela é uma fusão de tradições alemãs, elementos clássicos italianos e peculiaridades da tradição polonesa. A história remonta a 22 de setembro de 1902, quando a Igreja Católica obteve autorização para sua construção. Após várias mudanças de localização, a construção atual foi iniciada em 1924 por Júlio Stoy, um alemão. Tombado em nível federal desde 2007, o conjunto inclui a capela, a sacristia e o campanário, este último separado e situado à direita da igreja.

Esses locais oferecem uma variedade de experiências culturais e históricas que enriquecem a visita a Indaial, tornando-a uma cidade rica em patrimônio e atrativos turísticos.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui