18.7 C
Timbó
sexta-feira, 21 de junho de 2024

Quantas mulheres cabem numa mulher?

Data:

“O evento foi leve e descontraído, com muitas percepções e as mulheres foram bem participativas. Acredito que tenha feito bastante sentido para elas, especialmente o convite para resgatarem as suas essências e os sonhos da criança que habita dentro de cada uma de nós. Eu adorei o convite, a noite foi muito agradável”. As palavras são da mentora de negócios Joslaine Carlos, que ministrou a palestra “Quantas mulheres cabem numa mulher?”, na noite do dia 7 de março, no Timbó Park Hotel.

O evento foi uma realização da Associação Empresarial do Médio Vale Itajaí (Acimvi), em parceria com a Viacredi, para celebrar o Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 8 de março.

- Publicidade -

O tema da palestra “Quantas mulheres cabem numa mulher?”, segundo Joslaine é uma pergunta que nos convida a uma reflexão profunda sobre a complexidade e diversidade da feminilidade. Não há uma resposta simples ou única para essa questão, pois a identidade feminina é multifacetada e não pode ser limitada a um único padrão ou definição. Uma mulher é muito mais do que apenas um corpo físico. Ela é um ser humano completo, com uma riqueza de experiências, emoções, pensamentos e habilidades. Dentro de cada mulher, há um universo de possibilidades, uma infinidade de aspectos que a tornam única.

A palestrante, que é empresária, mentora, treinadora e especialista em pessoas, comportamento humano e liderança, com bacharel em Administração de Recursos Humanos, MBA em coaching com ênfase em Programação Neurolinguística, além de positive coach com formação em Psicologia Positiva e Inteligência Emocional; master trainer em Inteligência Emocional pelo Instituto Brasileiro de Trainers e master coach em Inteligência Emocional pelo Instituto Lyouman, explica que “trazer reflexões sobre a importância dos papéis sociais que as mulheres exercem e dar dicas de como podem equilibrar todas as esferas da vida, se priorizando e sabendo reconhecer seu tempo, suas necessidades e limites”.

Joslaine afirma que o objetivo da palestra foi de incentivar as mulheres a reconhecerem o seu potencial em todas as esferas da vida. “Dentro do tema abordamos os seguintes conteúdos: Como dar conta de tudo sem desgaste emocional excessivo? Amor-próprio X Egoísmo: ninguém dá ao outro aquilo que não tem; Me time: você está olhando para o relógio de quem? Cada uma traz consigo o seu baú de histórias; Protagonismo X Vitimismo: decida fazer algo de bom com a sua história; Roda da Vida; Organização da Rotina e Resgate a sua essência (dinâmica de visualização)”.

Segundo Joslaine, “foi um evento leve e muito agradável para proporcionar um momento especial para todas essas mulheres”.

Já a consultora de Relacionamentos e Negócios na Viacredi – Timbó/Centro, Gisele Ariana Sales, destaca que “o cooperativismo tem o poder de impulsionar e fomentar o crescimento da economia local das regiões onde atuamos. A Viacredi é comprometida com os princípios do cooperativismo, destacando dois deles: interesse pela comunidade e Educação/Conhecimento para todos.

Quando investimos em educação e desenvolvimento dos negócios locais, construímos uma sociedade mais próspera e sustentável, e com isso vem a união com entidades locais que têm um olhar diferenciado e impulsionador aos empreendedores. Nesta semana tão especial para nós mulheres, não poderíamos deixar de estar junto à Acimvi, com a qual temos uma forte parceria, e com isso oportunizamos um momento especial para todas as mulheres que exercem diversos papéis no dia a dia.

Somos profissionais, empresárias, mães, estudantes, donas de casa, esposas e muito mais. Em alguns momentos, conciliar esses papéis pode ser desafiador, e diante disso, a palestrante Joslaine nos apresentou reflexões para termos uma vida mais leve e equilibrada”.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui