21.1 C
Timbó
quarta-feira, 12 de junho de 2024

Timbó marca presença em Festival Internacional

Data:

Timbó marca presença em Festival Internacional

Clarice Graupe Daronco [email protected]

Foto: FOTOS/ARQUIVO PESSOAL

“O Festival Internacional de Teatro ‘Rosário em Cena’ é reconhecido como um dos maiores e mais importantes festivais. Ele acontece na cidade de Rosário do Sul, pertencente à região que tem como divisa o Uruguai. A cidade tem 176 anos de existência e tem sua arquitetura em formato histórico, contando a história de sua origem. A cidade possui alguns pontos turísticos, como a Paróquia Nossa Senhora do Rosário e a praia de areias brancas (uma praia pluvial)”. As informações são do professor e diretor da 100 Cena Cia de Teatro, Jean Devigili, ao falar sobre a participação do grupo timboense no Festival.

Conforme Devigili o Festival Internacional de Teatro “Rosário em Cena” aconteceu entre os dias 21 e 28 de outubro, onde ocorreram apresentações de espetáculos concorrentes no Infantil e Adulto no período da manhã, tarde e noite. “Após cada apresentação o elenco que se apresentou, foi avaliado pela bancada de Júri formada por Cleber Lorenzoni, Sandra Loureiro e Airton de Oliveira – referências do que se diz em respeito de teatro no Rio Grande do Sul. O Festival está na sua 22ª edição e esse ano homenageou o radialista Moacir Guazina”.

- Publicidade -

 

?

O profissional destaca que “para nós da 100 Cena, ser aprovados e selecionados para concorrer dentro do Festival é uma grande conquista, já de primeiro momento foi uma grande festa de comemoração, até porque o Festival Internacional de Teatro “Rosário em Cena” ele é reconhecido como um dos maiores e mais importantes festivais. Nosso maior objetivo de estar em um festival é de conhecer e ouvir outros profissionais da área, ter a troca de conhecimento e de oportunidades, é o reconhecimento que estamos ganhando de um trabalho e persistência com a arte teatral, além da busca de atualizar movimentações artísticas e culturais”.

Devigili relata que “nossa ida ao Festival aconteceu no dia 23 de outubro e contamos com o apoio da Fundação Municipal de Esportes de Timbó juntamente com a Prefeitura de Timbó. Assim, nossa chegada foi no dia 24 de outubro no período da manhã. Já no dia 25 de outubro aconteceu a primeira apresentação da 100 Cena no Festival com espetáculo concorrente na categoria Adulto “O Fugitivo” que tem como atores Jean Devigili e Fabi Fiamoncini”.

Avaliação do juri

Em nota, o escritor, dramaturgo e crítico teatral, integrante do Júri do Festival, Cléber Lorenzoni destaca que: “o público, formado em sua maioria por adolescentes, curtiram e muito o casal interpretado por Fabi Fiamoncini e Jean Devigili. A companhia 100 Cena, ou “sem cena”, da cidade de Timbó, chegou à Rosário do Sul com muita energia e vontade de aprender, o que de certa forma é o verdadeiro âmago de um festival. A troca, o conhecimento, os debates”.  

No mesmo dia, os integrantes da 100 Cena apresentaram o espetáculo concorrente na categoria Infantil “Era uma vez, mais uma vez…”
Lorenzi volta a analisar a apresentação: “o elenco demonstra uma facilidade em pegar o público e este se entrega, participa, agrega, e devolve com carinho a tudo o que é proposto (destaque aí para Ivanir Dallabrida). Curiosa a escolha da banda RBD, como tema central, talvez o sucesso e a representatividade dos jovens da banda mexicana e posteriormente brasileira, tenha a ver com o lugar onde a 100 Cena queira chegar. Jean Devigili possui garra, interesse e dinâmica, por isso mesmo merece alcançar sucesso o que virá com estudo e prática”.

Em entrevista à redação do Jornal do Médio Vale (JMV), Devigili destaca que “levar o nome da nossa escola, e da nossa cidade, para um evento como esse é uma alegria imensa. Trazer a oportunidade dos meus alunos vivenciarem a ida para um festival, é de maior satisfação. Toda a troca de experiências que só um festival proporciona é uma experiência única. Vale ressaltar que mais uma vez estamos fazendo história sendo a primeira vez que Timbó foi para um Festival Internacional de Teatro”.

Premiação 

De acordo com o diretor da 100 Cena, no dia 28 de outubro foram realizadas as premiações. “No início das premiações fizeram homenagem a todos os apoiadores e pessoas que ajudaram o Festival a acontecer, além da homenagem ao homenageado da 22ª edição do Festival, Moacir Guazina e sua família. Após, começaram a fazer a premiação que a organização escolhe, ao todo quatro homenageados, que podem ser empresas, artistas, grupos e todos aqueles que estejam envolvidos com o Festival”. 

Segundo informações reconhecer pessoas, empresas, prestadores de serviços é uma forma do Festival Internacional de Teatro ‘Rosário em Cena’ abraçar e acolher de forma positiva e amável estes que muitos somam para a cultura e a história de Rosário do Sul, para história do Rosário Cena e de todo o estado. Na oportunidade foram chamados ao palco do Teatro João Pessoa, quatro personalidades que foram muito importantes para a organização do Festival durante a sua realização.

No evento de premiação o apresentador e organizador do Festival Internacional de Teatro “Rosário em Cena”, Paulo Evandro fez a seguinte colocação: “convidamos para subir aqui aquele diretor de teatro que estava muito preocupado porque a sua cidade como muitas partes da nossa região sul do Brasil sofreu com enchentes, alagamentos, mortes, perdas econômicas e infelizmente nós passamos por isso pode ser uma provação e foi e nós reconhecemos que uma pessoa se doa e quer trazer sua arte com milhares de quilômetros de distância cumprir um regulamento e respeitar a cidade que está organizando, essa pessoa retirou de si para estar aqui conosco. Nós reconhecemos esse esforço, porque teatro não é só no palco está além como a própria Ida Celina diz “é o teatro que nos move, e o que me move é fazer o teatro” vem para cá receber o teu reconhecimento da cidade de Timbó, estado de Santa Catarina, o artista Jean Devigili e o grupo 100 Cena Cia de Teatro”.

Devigili conta ainda sobre as premiações dos espetáculos que o grupo 100 Cena Cia de Teatro recebeu: Troféus – Reconhecimento FETARC 2023; Melhor Espetáculo Cat. Infantil – Júri Popular; Indicações – Melhor Ator: Jean Devigili; Melhor Ator Coadjuvante: Nei Rubens W.; Melhor Atriz Coadjuvante: Rozana Raizer e Melhor Figurino: Era uma Vez, Mais Uma Vez….

Os espetáculos 

O profissional comenta que “o Espetáculo Infantil: Era uma vez, mais uma vez…Classificação Indicativa: Livre. A peça é um encontro de personagens das histórias em livros, é repleta de humor, música e aventura, levando o público a se divertir com as peripécias da princesa mimada, os desejos do palhaço sonhador, a ousadia da narradora para lá de esperta, as trapalhadas do mordomo, as bruxarias das “bruxas malvadas” e a mágica da fada e do engraçado duende. No final, todos aprendem a importância da generosidade e do trabalho em equipe”.

Já o que foi inscrito na Categoria Espetáculo Adulto: O Fugitivo, é o espetáculo em formato performance de teatro. O Fugitivo conta a história de um rapaz que vive em seu mundo, repleto de segredos e imaginações, porém com um medo que a grande maioria das pessoas tem…. Até quando você vai ficar fugindo? vai ficar se escondendo? Viva o hoje e o agora“.

Imagens

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui