18.7 C
Timbó
segunda-feira, 24 de junho de 2024

Uma história de romance e companheirismo

Data:

O Dia dos Namorados é uma ocasião especial celebrada em várias partes do mundo, dedicada ao amor e ao romance. Embora as tradições e a data exata possam variar de acordo com o país, o espírito do dia permanece o mesmo: demonstrar carinho e apreço pela pessoa amada. Abordarei algumas das características e tradições mais comuns associadas a essa celebração.

A origem do Dia dos Namorados remonta a celebrações antigas e tradições cristãs. Em muitos países, é comemorado em 14 de fevereiro e está associado a São Valentim, um santo que, segundo a lenda, desafiou as ordens do imperador romano e realizou casamentos em segredo. Ele foi martirizado por suas ações e, ao longo do tempo, o dia de sua morte tornou-se símbolo do amor romântico.

- Publicidade -

No Brasil, o Dia dos Namorados é celebrado em 12 de junho, véspera do dia de Santo Antônio, conhecido como o santo casamenteiro. As comemorações frequentemente incluem trocas de presentes, como flores, chocolates e cartas românticas. Muitos casais também aproveitam a ocasião para jantar fora ou fazer uma viagem romântica.

Essa data especial proporciona aos casais uma oportunidade de celebrar seu relacionamento e expressar seu amor e apreço um pelo outro. Além disso, é uma ocasião para refletir sobre o valor do amor e da parceria na vida das pessoas.

Unidos desde o nascimento

Dentro desse contexto de amor e celebração, destaca-se a história de Lenira Werner Cristofolini Milbratz e Emerson Elton Milbratz, que possui uma particularidade única: ambos nasceram no mesmo dia, mês e ano, mas em estados diferentes. Lenira nasceu em São Paulo, no dia 24 de março de 1972, enquanto Emerson nasceu na mesma data, em Timbó. Essa coincidência notável acrescenta um toque especial ao seu relacionamento, unindo-os desde o nascimento de uma maneira única.

Em entrevista Lenira e Emerson contam que “nossa jornada começou há tanto tempo que parece ser parte do tecido de nossas vidas. Quando me perguntam como nos conhecemos, é como se voltasse no tempo e visse aquela cena da infância se desenrolando diante de mim. Crescemos lado a lado, literalmente, pois morávamos no mesmo bairro em Timbó. No entanto, foi apenas no Ensino Médio que nossos caminhos se entrelaçaram de forma mais íntima. Com 15 anos, nossos corações se abriram um para o outro, e ali começou nossa história de amor”.

Segundo o casal “ao longo dos anos, muitos momentos marcantes pintaram nossa jornada. O casamento foi o ápice, o símbolo do compromisso selado diante de nossos amigos e familiares. E então vieram nossas filhas, como bênçãos que completaram ainda mais nossa união”.

Quando questionados sobre o segredo de um relacionamento duradouro, eles respondem: “Talvez não haja uma fórmula exata, mas aprendemos que a chave é a comunicação sem reservas. Nunca deixamos mágoas se acumularem, sempre resolvendo nossos conflitos antes de dormir. É um compromisso diário, uma escolha consciente de amar, cuidar e respeitar o outro. Nossas diferenças e desafios são como o tempero em nosso relacionamento. Abraçamos cada obstáculo com diálogo, carinho e compreensão mútua. E quando se trata de romance, somos criativos. Um buquê de flores surpreendente, uma dança à luz das estrelas, esses gestos mantêm nossa chama sempre acesa”.

Lenira conta ainda que “juntos, fazemos de tudo um pouco: jantares românticos, exercícios, filmes, danças e momentos de fé. É essa cumplicidade que nos fortalece, que nos faz desfrutar da vida em conjunto. Mas não somos perfeitos. Equilibrar o tempo entre as responsabilidades e o amor requer esforço e comprometimento. No entanto, cada momento juntos é precioso, e o valorizamos com todo o nosso ser”.

O casal afirma ainda que “com o passar dos anos, nossa comunicação evoluiu, tornando-se mais profunda e significativa. Aprendemos a ouvir verdadeiramente um ao outro, sem julgamento, apenas com amor e compreensão. Se pudéssemos voltar no tempo, não mudaríamos nada. Cada desafio, cada sorriso, cada lágrima moldou nossa história de amor de uma forma única e especial”.

Lenira e Emerson também deixam um conselho: “para os jovens casais, nosso conselho é simples: faça o outro feliz. Priorize o bem-estar do seu parceiro, e o resto seguirá naturalmente”.

Sobre o que é mais importante em um relacionamento, eles compartilham: “Para nós, é ter uma base sólida de fé e amor, nutrida pela comunicação e respeito mútuos. Todos os dias celebramos nosso amor, nas pequenas coisas: um olhar profundo, um beijo apaixonado, uma mão que segura firme. E através de nossas tradições diárias, fortalecemos ainda mais nosso vínculo. E quando olhamos para o futuro, vemos uma vida de mais experiências compartilhadas, mais momentos de amor e crescimento juntos. Nosso amor é eterno, e é isso que nos impulsiona a seguir em frente, sempre lado a lado”.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui