26.4 C
Timbó
segunda-feira, 22 de abril de 2024

Vendaval, granizo e inundações na noite de domingo causam destruição e prejuízos em cidades da regiã

Data:

Vendaval, granizo e inundações na noite de domingo causam destruição e prejuízos em cidades da regiã
TIMBÓ ? Um forte temporal se abateu sobre a região do Médio Vale do Itajaí, no início da noite …

EVANDRO LOES/JMV

Foto: André Hahnebach/jmv

EVANDRO LOES/JMV
[email protected]

TIMBÓ – Um forte temporal se abateu sobre a região do Médio Vale do Itajaí, no início da noite de domingo , dia 4 de novembro, causando medo e destruição em milhares de residências, estabelecimentos comerciais, industriais e na agricultura. As cidades mais atingidas foram Timbó, Indaial e Rio dos Cedros, onde os ventos atingiram proporções de um tufão. O grande volume de chuvas provocou inundações, tendo como agravante uma intensa chuva de granizo, com pedras que superaram o tamanho de um ovo de galinha. Veículos estacionados ao relento ou transitando pela cidade, no momento da tempestade, tiveram danos na lataria. Os prejuízos são incalculáveis e os atingidos tiveram que procurar material e mão de obra em outras cidades.
A tempestade iniciou por volta das 19h45min e teve uma duração de aproximadamente 45 minutos. No início, tudo parecia ser apenas uma trovoada de final de tarde, com nuvens negras pairando sobre cidade, confundindo com o anoitecer. De repente, surgem as primeiras pedras de granizo. Os estalos das pedras sobre os telhados chamaram a atenção e, rapidamente, a chuva de granizo se intensificou, deixando imobilizados quem quisesse proteger seu veículo, caso este estivesse ao relento. A única iniciativa prudente era se proteger.
As pedras tinham um tamanho anormal em relação aos eventos anteriores e cobriam a mão de um adulto. Logo começaram a destruir o telhado de muitas residências. Mesmo em coberturas de telhas coloniais, que são mais resistentes, ou calhetões de zinco com 6mm, as pedras de gelo atravessaram a cobertura e causaram prejuízos no interior das edificações. Em alguns pontos sensíveis, como a rua Haiti, no bairro Imigrantes, em Timbó, a água invadiu residências, agravando a situação. Nestes locais, a destruição veio pelo telhado, através do granizo, e pela subida das águas. Muitas famílias não tiveram como salvar seus pertences e perderam tudo.
No Distrito Industrial de Timbó, várias empresas sofreram pela ação do vento e com a chuva de granizo. Na empresa Modelação Timbó, cuja a cobertura é com folhas de Eternit, a destruição foi total e os prejuízos foram de grandes proporções no estoque e equipamentos. No mesmo bairro, residências foram alagadas e proprietários estavam inconformados. Alguns reclamaram que os constantes aterros que estão sendo feitos na região ajudam a causar os alagamentos, antes nunca vistos nestes locais. Nos bairros Quintino Bocaiúva e Vila Germer, ocorreram alagamentos e destruição por causa do granizo.
 

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui