17.5 C
Timbó
terça-feira, 16 de julho de 2024

Exposição e potencial econômico

Data:

Exposição e potencial econômico
A Exposição Industrial e Comercial ?140 Anos de Timbó?, que está sendo realizada no Pavilhão Mu …

Cleiton Baumann

A Exposição Industrial e Comercial “140 Anos de Timbó”, que está sendo realizada no Pavilhão Municipal de Eventos Henry Paul até o próximo domingo, mostra não só o potencial econômico da cidade, mas a capacidade de um povo de se desenvolver com qualidade de vida. Quem acompanhou as exposições realizadas desde 1969, quando a cidade inaugurou este pavilhão nas comemorações do centenário, pode constatar a evolução de nossa indústria e comércio. “Timbó produz coisas que as pessoas nem imaginam”, já foi frase de efeito em campanhas publicitárias, mas sua mensagem não é apenas uma estratégia de marketing e sim, uma realidade que se pode constatar nesta Exposição. Muitas empresas acabaram não conseguindo espaço para expor, devido a limitação do número de stands, o que já é um indicativo de que as lideranças políticas precisam viabilizar a ampliação da atual estrutura do pavilhão municipal. Como cidade pólo de uma região, Timbó poderia até mesmo realizar uma exposição com participação de empresas da região. Nos seus 20 anos de história, o JMV participou, como expositor, de cinco edições deste evento e podemos afirmar, com segurança,  que há mais de uma década os organizadores da Exposição reivindicam, junto às autoridades municipais, a ampliação do pavilhão. Estrutura esta que poderia servir melhor para outros eventos, como a Festa do Imigrante e a prática de esportes. Nunca devemos esquecer que Timbó já foi sede conjunta de duas edições dos Jogos Abertos de Santa Catarina, embora uma delas tenha sido cancelada, em 2008, por causa da tragédia meteorológica. Esta Exposição, assim como a realizada em Indaial, no ano passado, comprova que nossa região tem força para sediar grandes eventos. Não podemos ficar a mercê das cidades maiores. Até porque os líderes das grandes nos enxergam como periferia, para onde vão apenas as migalhas na distribuição da riqueza. Se queremos ser vistos e respeitados como merecemos, precisamos unir forças e mostrar nossa força. Esta exposição é uma ação positiva na consolidação de nossa imagem como potencial econômico em Santa Catarina.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui