23.3 C
Timbó
segunda-feira, 22 de abril de 2024

Asfalto da BR- 470 é recuperado

Data:

Asfalto da BR- 470 é recuperado
Contrato firmado entre o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e a empresa P …

Cleiton Baumann

INDAIAL/BLUMENAU – Contrato firmado entre o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e a empresa Planaterra, de Chapecó, prevê a recuperação da camada de asfalto na BR-470, no trecho entre Navegantes e Rio do Sul. Os trabalhos estão sendo realizados há vários meses e, na primeira parte, envolveram a colocação de taludes entre os municípios de Blumenau e Gaspar.
Ao todo deverão ser recuperados aproximadamente 135 quilômetros com nova camada de asfalto, retirada do atual, bem como os acostamentos e, posteriormente, a manutenção do espaço durante dois anos. A primeira parte da obra deve demorar um ano para ser finalizada e conta com uma equipe partindo da divisa Blumenau/Indaial até Navegantes e outra vindo de Rio do Sul até Indaial, na divisa com Blumenau.
Segundo informações colhidas pelo JMV, devem ser investidos na obra aproximadamente R$ 28 milhões e o trabalho é realizado em meia pista, o que provoca lentidões e a formação de filas, pois os veículos ficam parados por alguns minutos para que haja movimento da outra pista.
De acordo com técnicos que acompanham o trabalho, são empregados cerca de 30 trabalhadores, além das máquinas, sendo que, no total, incluindo a manutenção, devem contar com 150 empregados nos próximos dois anos.
A nova camada de asfalto tem a espessura de cinco centímetros para suportar o peso dos caminhões e veículos, sendo o asfalto de ótima qualidade. O detalhe é que, após ser colocado, o asfalto compacta e, estando ainda quente, é resfriado com água, para possibilitar o imediato trânsito dos veículos, pois caso ficasse quente, danificaria a base asfáltica.
Com as obras em diversos trechos da BR-470, o trânsito deve ficar lento nos próximos meses, pois os trabalhos são realizados de segunda a sábado, parando apenas aos domingos e feriados. Segundo os técnicos, com a nova camada e retirada do antigo, a pista vai ficar em ótimas condições, já que receberá sinalização em todo trecho dos 135 quilômetros.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui