16.7 C
Timbó
segunda-feira, 22 de abril de 2024

Ciranda da amamentação marca Semana do Aleitamento Materno

Data:

Ciranda da amamentação marca Semana do Aleitamento Materno
LEGISLAÇÃO: Projeto institui em Indaial a ?Semana do Aleitamento Materno?, comemorada em maio, ant …

Cleiton Baumann

CLARICE DARONCO/JMV

INDAIAL – O aleitamento materno salva vidas porque é prevenção segura contra uma série de doenças infecciosas e crônico-degenerativas, além de ser considerado a primeira vacina do bebê. A amamentação desenvolve um vínculo afetivo único entre mãe e bebê, beneficiando a saúde da mulher. Conhecedores destas informações, os vereadores de Indaial aprovaram em abril o projeto de Lei de autoria do vereador Jurandir Chaves dos Santos que institui, em Indaial, a Semana Municipal do Aleitamento Materno.
Conforme o texto do projeto, fica instituído e passa a integrar o calendário oficial de Indaial a “Semana do Aleitamento Materno”, que será comemorada anualmente em maio, durante a semana que antecede o “Dia das Mães”. Na “Semana do Aleitamento Materno” vão ser realizadas ações que visam estimular a promoção, proteção e apoio à amamentação; de apoio e conscientização das mulheres para que exerçam seu papel como mães geradoras e alimentadoras de novos seres sociais, e ainda de sensibilização a todos os setores da sociedade para que compreendam a mulher que amamenta.
Neste sentido os setores de Saúde, Desenvolvimento Social, Educação, Esporte e Cultura do município promovem atividades de conscientização, já a partir do dia 7 de maio. Para comemorar a primeira Semana de Aleitamento Materno, às 14 horas, no Centro de Convivência de Indaial, acontecerá um evento denominado: “Ciranda da Amamentação: amamente e semeie amor”.
Segundo informações da secretária de Saúde, Enedina De Pin, o evento quer trazer a realidade vivida por mães que têm ou tiveram um, dois ou mais filhos e que os amamentaram, porém, nem por esta circunstância deixaram de se sentir femininas, cuidar de suas famílias e eventualmente, continuar com seu trabalho no dia-a-dia, sendo exemplos de amor e superação.
O encontro, que visa reunir as mães que passaram pela fase da amamentação, terá apresentações musicais e trocas de experiências entre mães e profissionais da saúde.  A organização está sendo coordenada pela enfermeira Marilu Crível, que destaca que a importância da prática de dar o peito precisa ser recuperada, através de um conjunto de ações de promoção, apoio e proteção.
 

Trabalhar e amamentar:
É possível continuar a amamentar depois de terminada a licença por maternidade.
Existem várias opções, para manter a amamentação nesta fase:
-    Amamente o seu bebê sempre que você esteja em casa;
-    Para manter uma boa produção de leite é importante amamentar muitas vezes;
-    Quanto mais você dá de mamar, mais leite você terá;
– Pode amamentar o seu bebê a qualquer hora, mesmo depois de ele ter comido uma refeição de sopa ou de papa.
-    Amamente o seu bebê de manhã, logo ao acordar, á tarde, quando regressa a casa depois de um dia de trabalho e, antes dele adormecer;
-    Aproveite os fins-de-semana para amamentar com mais freqüência e assim estimular a produção de leite;
-    No trabalho, retire o seu leite com uma bomba, para esvaziar o peito. Esse leite pode ser dado ao bebê quando a mãe não está (na creche ou na ama) ou pode servir para preparar uma papa;
-    Reserve tempo suficiente para que você fique descontraída ao retirar o leite com a bomba (se estiver com pressa, talvez não consiga retirar leite suficiente). Mesmo que tenha que deitar fora o leite, por não ter condições para o guardar, é importante esvaziar os seios regularmente, para assim continuar a produzir muito leite. Deve retirar o leite com a mesma freqüência com que o bebê mamaria;
-    Escolha uma creche ou uma ama que fique perto do seu local de trabalho. Assim, pode aproveitar as horas de dispensa do trabalho para amamentação para se deslocar até á creche e aí amamentar o seu bebê.

- Publicidade -

[email protected]
 

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui