24.4 C
Timbó
quarta-feira, 24 de abril de 2024

Parlamento Jovem elege seus novos representantes

Data:

Parlamento Jovem elege seus novos representantes
ELEIÇÕES: Alunos de 21 escolas participaram da eleição para compor a Câmara Mirim na gestão 20 …

Cleiton Baumann

CLARICE DARONCO/JMV

INDAIAL – Um ato que envolve política e cidadania. Assim foi a eleição dos 21 novos integrantes do Parlamento Jovem de Indaial – a chamada “Câmara Mirim”. O evento, que aconteceu no dia 25 de junho, envolveu 21 educandários, sendo dois particulares, doze municipais e sete estaduais. Concorreram 96 candidatos para 21 vagas, que tinha como eleitores o total de 3.440. Do total de 3.440 eleitores, foram considerados como votos válidos 3.280.
Segundo a coordenadora do Parlamento Jovem, Maria Helena Theiss Faustino dos Santos, para concorrer ou votar, os alunos devem enquadrar-se em uma das duas situações: idade entre 11 e 14 anos, ou matrícula de 5ª à 8ª séries. A cada estabelecimento é permitido eleger um titular e um suplente para integrar o Parlamento Jovem da Câmara Municipal de Indaial, e exercer a função de vereador jovem, sendo que ao suplente, caberá a vaga em caso de impedimento do titular, conforme as situações previstas regimentalmente.
Maria Helena conta que durante o processo eleitoral, as escolas conviveram intensamente com o clima das campanhas, encerradas com comícios na última semana. “O processo eleitoral deu-se como uma eleição normal, com comícios, propostas, debates e para finalizar a votação foi fechada com chave de ouro: os alunos tiveram a oportunidade de escolher seus representantes da mesma forma que os adultos escolhem seus governantes, em urnas eletrônicas”, comenta Maria Helena ao explicar que foi implantado o mesmo processo utilizado na cidade de Gaspar.
Ela explica que são instalados programas (softwares) para votação, trabalho coordenado e desenvolvido sob a responsabilidade do servidor Sidnei Vieira. Os programas instalados nos computadores das escolas assemelham-se ao sistema de votação convencional, indicando em tela, nome e imagem dos candidatos, conforme a escolha de seus eleitores. Maria Helena observa que o custo para o processo eleitoral, foi acessível e garantiu aos eleitores o conhecimento de um processo que ao completarem 16 anos serão habilitados a fazer.
Para a coordenadora, que está à frente dos trabalhos do Parlamento Jovem desde a sua criação em 2006, com o passar dos tempos os alunos estão se familiarizando com a importância da palavra “política” e estão cada vez mais cientes que podem e devem participar efetivamente deste processo para terem seus direitos e deveres garantidos. O jovem Gustavo Henrique Metzner, presidente do Parlamento Jovem, gestão 2008/2009 destaca que “Parlamento jovem não é uma coisa de criança (ou jovens) mais sim, uma coisa de adulto, porém feita por crianças (ou jovens)”.
De acordo com o cronograma da coordenação do Parlamento Jovem, a posse dos eleitos está marcada par o dia 6 de agosto, às 15h, no Plenário da Câmara Municipal de Indaial. Maria Helena adianta que antes da posse os eleitos irão participar do curso preparatório, que irá acontecer entre os dias 21 a 23 de julho.

[email protected]

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui