17.5 C
Timbó
terça-feira, 16 de julho de 2024

Polícia Civil cumpre mandados de buscas e apreensão em Blumenau, Indaial, Timbó e Pomerode

Data:

Operação visa investigar os disparos de arma de fogo ocorridos na residência de ex-secretário de Blumenau

Na manhã desta quarta-feira, dia 19, a Polícia Civil deflagrou a Operação Publicis, que visa investigar os disparos de arma de fogo ocorridos na residência do ex-secretário de Blumenau, Michael Maiochi, no dia 5 de fevereiro de 2024.

- Publicidade -

Dessa forma, estão sendo cumpridos 15 mandados de buscas e apreensão nas cidades de Blumenau, Indaial, Timbó e Pomerode em desfavor de oito pessoas suspeitas de envolvimento do crime.

A ação ocorreu por intermédio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Blumenau, com apoio de policiais civis DRFR, da DTCA, do NINT, e da DPCo de Indaial, Pomerode, Ascurra e Timbó. A operação policial contou com o apoio de 36 policiais civis.

Investigação
Michael Maiochi vinha sofrendo ameaças por meio de mensagens de WhatsApp que chegavam através de terceiros, que denegriam a sua imagem com acusações de atos de improbidade administrativa e enriquecimento ilícito durante sua gestão municipal, bem como promessa de mal grave e injusto, que acabou ocorrendo naquele mês de fevereiro.

Desde então, após quatro meses de investigação, a Polícia Civil conseguiu identificar oito pessoas que estariam envolvidas com os fatos investigados.

Diante disso, o delegado representou pela busca e apreensão domiciliar com o objetivo de angariar outras provas que corroborem com as investigações em andamento.

Um dos investigados ocupava cargo na Samae até dezembro de 2023 quando foi exonerado.

A Polícia Civil ressalta que, até o momento, não se conseguiu esclarecer qual a verdadeira motivação para as ameaças e disparos contra o ex-secretário. A vítima afirma estar relacionada a sua atuação firme com os prestadores de serviço, com aplicação de multas e rescisão de contratos.

A operação ainda está em andamento. Até o momento, foram apreendidos a motocicleta utilizada pelos autores dos disparos, duas armas de fogo e R$ 4 mil.

Além disso, ainda foram colhidos diversos documentos e aparelhos celulares que serão analisados e periciados.

Fonte: Testo Notícias

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui