23.3 C
Timbó
quarta-feira, 24 de abril de 2024

Bolsonaro pede adiamento de manifestações populares

Data:

Bolsonaro pede adiamento de manifestações populares

TIMBÓ – O presidente Jair Bolsonaro utilizou o mecanismo de convocação de cadeia de rádio e televisão, na noite de quinta-feira, às 20h, para solicitar que sejam adiadas as manifestações populares em favor do governo e das reformas, que estavam agendados para o próximo domingo, em diversas cidades do país. O presidente destacou que o movimento é legítimo e democrático, não tendo vinculação com o governo, mas recebendo seu apoio e respeito.

No entanto, diante da declaração de pandemia pela Organização Mundial de Saúde, na quarta-feira, dia 11, é recomendável que não sejam realizados movimentos de concentração popular, para não ser propagador de coronavírus, que tem contaminado milhares de pessoas em todo o mundo e chegou ao Brasil recentemente. Dois movimentos, “Nas Ruas” e “São Paulo Conservador”, que estavam organizando o movimento nacional de manifestação, anunciaram o cancelamento dos atos, em função da pandemia do coronavírus.

- Publicidade -

As manifestações eram em apoio ao presidente Bolsonaro e pressão sobre o Congresso Nacional e o STF para dar celeridade às reformas e decisões em favor do crescimento do país.

Em Timbó

Até a tarde de ontem, quinta-feira, dia 12, a organização da manifestação em Timbó havia confirmado a realização do evento para domingo, dia 15, às 15h30min, defronte à Prefeitura de Timbó. Um dos líderes do movimento, o advogado e pré-candidato a prefeito, Jean Schütz, disse que a manifestação estaria mantida e que qualquer mudança seria anunciada via imprensa e redes sociais. O Jornal do Médio Vale tentou contato com Jean, antes do fechamento desta edição, para saber sobre uma eventual alteração na programação, mas não obteve resposta. 

À tarde, em entrevista do JMV TV, Jean disse que a manifestação seguiria a orientação nacional, por isso os manifestantes devem acompanhar as informações durante a sexta-feira até domingo, via redes sociais e o site do JMV.

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui