22.5 C
Timbó
sábado, 13 de abril de 2024

Projeto contra violência sexual em escolas de Indaial

Data:

De acordo com o Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania, em 2023 o Disque 100 (Disque Direitos Humanos) registrou mais de 17 mil violações sexuais contra crianças e adolescentes de janeiro a abril, representando um aumento de 68% em relação ao mesmo período do ano anterior. Mesmo com esses dados, o órgão destaca a mobilização social para fazer a denúncia. Esses números ressaltam a importância de ações e projetos que envolvam a sociedade para a prevenção.

Reforçando o debate sobre o assunto e buscando informações sobre o tema, a partir de fevereiro, os estudantes das Escolas Marcus Rauh e Gustavo Barroso, de Indaial, começaram a participar de um ciclo de aprendizagens, que faz parte do Projeto de Prevenção às Múltiplas Violências Atravessando pela Proteção e Denúncia.

- Publicidade -

Ao total, são quatro momentos em que profissionais de diversas áreas abordam assuntos, divididos em: formação continuada; roda de conversa sobre múltiplas violências; oficinas de conscientização em prevenção ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes; oficinas de educação sexual e desenvolvimento corporal. Os encontros ocorrem até abril e pretendem atingir mais de 1.200 estudantes do primeiro até o terceiro ano do ensino médio.
O objetivo é levar aos estudantes, profissionais da educação e comunidade conhecimento sobre o tema e formas de prevenção, proteção e denúncia.

O projeto está sendo financiado pelo Fundo da Infância e Adolescência (FIA) de Indaial e será aplicado pela entidade Olakunde, uma Associação Educacional de Formação Intercultural Cidadão, que tem como responsável técnica, Shirlei Fabiana Silva.

Fonte: PMI/ Texto por: Marta Brod – assessora do projeto

Últimas Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui